Administrador de Condomínios — 3 Habilidades Que Esse Profissional Precisa Ter!

O papel do administrador de condomínios é fundamental para a boa gestão do empreendimento e satisfação dos inquilinos. Esse profissional atua prestando assessoria e apoio ao síndico.

Além disso, ele é parte de uma empresa administradora de condomínios. Dessa forma, ele trabalha em diversas frentes da direção do espaço, desde a condução de recursos humanos até a negociação com inadimplentes.

Quer saber quais habilidades que esse gestor precisa ter? Continue a leitura do artigo!

Qual a função de um administrador de condomínios?

Este profissional é parte de uma administradora de condomínios, que, por sua vez, tem como função auxiliar o síndico na realização de diversas atividades administrativas, sempre prezando pelo bem-estar dos condôminos.

O seu principal papel é planejar, organizar, dirigir e controlar o uso dos recursos do empreendimento. Para isso, este especialista deve ter conhecimento jurídico, administrativo e financeiro, tendo a capacidade de resolver questões burocráticas de forma mais simples.

Algumas das responsabilidades do administrador de condomínios são:

  • oferecer suporte e informações técnicas para auxiliar os síndicos em tomadas de decisão;
  • gerenciamento de arquivos e documentos obrigatórios do condomínio;
  • administração das áreas comuns (quadras, salões de festa, academia, entre outros espaços);
  • gestão do consumo de água, luz, gás, entre outras fontes de energia;
  • suporte na realização das assembleias;
  • assessoria em questões relacionadas à engenharia, arquitetura e paisagismo do local;
  • gerenciamento de inadimplências condominiais;
  • entre outros.

3 habilidades que um administrador de condomínios precisa ter!

Agora que você já sabe qual o papel desse profissional, veja algumas das habilidades que ele precisa ter para garantir a boa gestão condominial e satisfação dos moradores:

1. Uso de recurso tecnológicos

O profissional que sabe usar a tecnologia ao seu favor não só simplifica o trabalho, como entrega maior eficiência, tendo um bom retorno dos moradores. Nesse quesito, vale contar com a ajuda de sistemas inteligentes e aplicativos para condomínio.

2. Boa comunicação

Ter uma boa comunicação é indispensável para quem trabalha com a administração de condomínios, pois muitas vezes será necessário emitir informes, tirar dúvidas, defender ideias, mediar conflitos em assembleias e também cobrar os condôminos com pagamentos atrasados.

3. Organização de processos

A organização também é um ponto de atenção, pois o administrador está a todo tempo lidando com processos, desde atas de assembleias, assinaturas, comprovantes, vistorias, controle de contas, entre outras atividades

Além disso, o profissional precisa transmitir autoridade para fazer cumprir as regras dos condomínios.

Viu como esse gestor contribui para a gestão condominial? Mas há outros papéis importantes no trabalho de administração de um condomínio. Veja também sobre o papel do síndico e como ele deve ser escolhido!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

© Copyrights Condomob 2022. Todos os direitos reservados.